Pages

terça-feira, 17 de setembro de 2013

Canto de um Colibri



video

Neste caminhar sozinha
Nesta longa estrada
Muito aprendi mas,
Quase não sei nada
No tempo um vazio,
Sua voz se cala

Vou misturar o canto
De todos os pássaros
Do meu lugar
Para recordar o seu canto
Cantando cantigas
Pra me ninar

Cadê os nossos arvoredos
Nossa passarada
Os nossos passeios
Orvalho madrugada
Não sei se LED Zeppelin,
Cordel ou Luiz Gonzaga

Me fazem sentir tanta falta
Do lindo canto de um colibri
Eu canto pra deixar fluir
O amor intenso
Que tenho em mim!

(Nice Veloso)



Minha mãe, quanta saudade! São 15 anos sem a sua presença física... O seu amor está eternizado em mim! Quando a noite vem e vejo estrelas no céu a brilhar no espaço de cá sinto a sua luz e o quanto você torce por mim, pela minha felicidade. Não se preocupe! Sou feliz. Adeus mãezinha... Até um dia!

2 comentários:

  1. Que linda maneira de homenagear alguém tão especial! Com poesia tudo se recria, fica mais belo o coração e a alma silencia...

    ResponderExcluir
  2. Lindo poetisa!!!
    Parabéns!!!
    Grata por conhecer seu belo Blog!
    Jane Di Lello.

    ResponderExcluir