Pages

sábado, 11 de setembro de 2010

Canção estradeira


Andei por este sertão abrasador
E muitas coisas por lá eu vi
Eu vi a seca destruindo o sertanejo
Não tem mangueira, acerola ou sapotí
Vitalina anda léguas atrás d'água
Ah! Que vida dura vive o povo dali.
É bom saber que na vida tudo passa
Passa o amor, a lembrança até a dor
Resta a esperança no coração sertanejo
Que sobrevive a fome, a seca ao Deus dará
Poeira, estrada, mato seco e mais nada
Só o velho Chico no seu curso a deslizar!
  (Nice Veloso)

Nenhum comentário:

Postar um comentário